quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Os Estados menos evangelizados do Brasil

Missões Nacionais

Pesquisa de dados por João Cruzué/Blog Olhar Cristão

Estats

João Cruzué

Complementando a postagem anterior darei sequência às informações já obtidas dos dados coletados da publicação de 2011 do economista Marcelo Neri da CPS/FGV- Fundação Getúlio Vargas. Estes dados revelam que os estados brasileiros com o menor percentual de evangélicos (estimativamente) são Piauí, com 8,2% e Sergipe, com 10,7%. Em contrapartida, o Estado do Acre é o que possui o maior número de evangélicos: 36,64%, seguido de Rondônia, com 30,88%. Outra informação interessante são os Estados que estão abaixo da média dos 20,23%, a começar por Pernambuco, Minas Gerais...

Como é de conhecimento dos leitores, elaborei uma previsão em abril de 2009 sobre o percentual de evangélicos para o Censo de 2010. Com base nas informações colhidas na primeira metade da década passada, em que houve uma interrupção na perda de fiéis da Igreja Católica, estabeleci a estimativa de um percentual de 19% para a população evangélica. Entretanto, depois de 2003, a saída de fiéis da Igreja Católica voltou a crescer, segundo o Prof. Neri, em percentuais acentuados nos mesmos níveis da década dos. 90s.

Também como é de conhecimento geral, os agentes do IBGE não usaram um questionário padrão com um ítem específico para contagem de pessoas por religião. Aliás, isto sempre foi feito por amostragem estatística. Daí, como o resultado do item "religião" não foi ainda divulgado pelo Censo IBGE 2010, o único trabalho confiável é do economista Marcelo Côrtes Neri do CPS/FGV. Ele e sua equipe pesquisaram milhares de questionários e microdados do IBGE e chegaram à estimativa de 20,23% da população evangélica, no final de 2009.

Com base na publicação da equipde de Marcelo Neri, "Novo Mapa das Religiões no Brasil", e dos resultados da população por Estados do IBGE, elaborei a tabela acima acrescentando uma coluna para a quantidade estimada de evangélicos por estado, multiplicando o percentual da primeira fonte pela população oficial do Censo 2010, do IBGE.

Meu objetivo com esta síntese em forma de tabela é fornecer dados aceitáveis para eventuais planos de evangelização de Igrejas e Ministros, focados nas áreas menos evangelizadas. A pregação bíblica do Evangelho necessariamente leva Jesus (e não uma religião) aos que ainda não O aceitaram formalmente.

Em Cristo,

Irmão João Cruzué

Nenhum comentário: