quinta-feira, 26 de maio de 2011

Livro dos recordes confirma brasileira como mulher mais velha do mundo

Maria Gomes valentim, a vó Quita, foi reconhecida pelo Guinness, o livro dos recordes, como a mulher mais velha do mundo. O nascimento de Maria, de acordo com documentos apresentados à reportagem do UOL Notícias, foi registrado no dia 9 de julho de 1896 -- ela tem 114 anos.
 
O título de mulher mais velha do mundo foi conquistado após Maria superar Besse Cooper, americana da Geórgia, em 48 dias de idade.

Craig Glenday, editor-chefe do Guinness, disse que Maria representa uma façanha sem precedentes para o Brasil. "Receber um título de uma mulher nascida durante o reinado na rainha Vitória -- antes do surgimento da Ford Motors e antes de George e Ira Gershwin nascerem -- é marcante, mas por aquela mulher ser brasileira isso se torna mais especial. Nunca uma reivindicação por longevidade tinha vindo do Brasil -- até agora", disse Glenday.

Em abril, Taís Nolasco, uma das bisnetas de Valentim, disse ao UOL Notícias que os documentos para atestar a idade da mineira já haviam sido encaminhados. "Eles pediram a cópia da certidão de nascimento dela e uma foto. Eles já receberam o material e também já o encaminharam para o pessoal do Guinness Book (livro dos recordes mundiais). Segundo me disseram, viria uma equipe aqui para verificar se os documentos são legítimos e se ela está realmente viva", disse.

 

O título de mulher mais velha do mundo foi conquistado após Maria superar Besse Cooper, americana da Geórgia, em 48 dias de idade.

Craig Glenday, editor-chefe do Guinness, disse que Maria representa uma façanha sem precedentes para o Brasil. "Receber um título de uma mulher nascida durante o reinado na rainha Vitória -- antes do surgimento da Ford Motors e antes de George e Ira Gershwin nascerem -- é marcante, mas por aquela mulher ser brasileira isso se torna mais especial. Nunca uma reivindicação por longevidade tinha vindo do Brasil -- até agora", disse Glenday.

Em abril, Taís Nolasco, uma das bisnetas de Valentim, disse ao UOL Notícias que os documentos para atestar a idade da mineira já haviam sido encaminhados. "Eles pediram a cópia da certidão de nascimento dela e uma foto. Eles já receberam o material e também já o encaminharam para o pessoal do Guinness Book (livro dos recordes mundiais). Segundo me disseram, viria uma equipe aqui para verificar se os documentos são legítimos e se ela está realmente viva", disse.

Nenhum comentário: