domingo, 26 de setembro de 2010

Tabela de tempo de biodegradação do lixo urbano no meio ambiente

MEIO AMBIENTE

Tabela de biodecomposição de resíduos sólidos mais comuns
abandonados ou depositados no meio ambiente.

Tabela por: João Cruzué
Garbage table
Tempo de decomposição natural do lixo.
João Cruzué

Estive pesquisando estas informações na Web e vi que se perde muito tempo atrás de uma fonte confiável. Por exemplo, no caso do vidro: há fontes que informam 4.000 anos, outras que este tempo é indeterminado. Na maioria delas não há citação de fonte científica. Então decidi divulgar o resultado de minha pesquisa. A tabela acima é minha tradução de documento publicado pelo Departamento de Meio Ambiente do Estado de New Hampshire/USA.

A biodegradação (decomposição natural) dos restos depositados ou abandonados na natureza é feita por micro-organismos que vão quebrando o lixo em partes cada vez menores até se torne em solo. A razão da diferença no tempo de decomposição, por exemplo, entre o vidro e uma casca de laranja está na dificuldade de quebra da estrutura molecular.

Eu sempre gostei de plantar chuchus no meu quintal. O solo era muito ruim, mas hoje é escuro, com a mesma qualidade das terras orgânicas disponíveis nos mercados. O que eu fiz? Bom, tenho uma goiabeira vermelha, antiga, plantada para amarrar gangorra para minhas filhas. A quantidade de folhas e goiabas (bichadas) que ela produz por ano é imensa. Uma goiabeira exagerada!

Eu reúno as folhas e os frutos (bichados) no fundo do quintal, cubro de terra; molho e deixo por conta de um senhor time de minhocas. Eu não medi o tempo, mas se uma folha de goiaba gastasse dois anos para se tornar solo, com a ação das minhocas isso levaria uns três meses. Fantástico.

Além das folhas, eu não deixo ir para a coleta nenhuma casca de frutas, legumes ou folhas de verduras que sobram. Amontoou no quintal, cubro com terra e aguo. Além dos chuchus também colho salsa e cebolinha. Eu coo a terra escura do quintal, encho algumas bacias e semeio a salsa. As cebolinhas podem ser produzidas de duas formas: por sementes, que leva muito tempo. Ou corto os maços de cebolas adquiridas no mercado um dedinho acima do início da parte verde; corto também as raízes deixando-as apenas com meio centímtro, e planto dentro das bacias. A irrigação deve se manter a terra húmida. O grau de humidade deve ficar no meio entre o seco e o barro.


Fonte de informação da tabela: Department of Enviroment Service - New Hampshire

Nenhum comentário: