segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Crase na sopa de letrinhas

ALGUNS CASOS DE USO DA CRASE

by João Cruzué
Crase na sopa de letrinhas

Por João Cruzué


BOA SORTE!
 para você que vai fazer concurso ou vestibular.


1) Diante da palavra DISTÂNCIA.

a) Quando a distância é determinada - ocorre a crase.
Ex.:Guarulhos fica à distância de 10 km de São Paulo.

b) Quando fica indefinida - não ocorre a crase.
Ex.: Guarulhos fica a distância de uns 10 km do Centro de São Paulo.

c) Nas locuções adverbiais - usa-se por motivo de clareza, mas a rigor, não é preciso.
Ex.: Ensino à distância; comunicação à distância; amar à distância.
Mas poderia ser escrito sem crase.


2) Diante de pronomes de tratamento.

a) Regra geral: não se usa crase diante pronomes de tratamento.
Ex.: Escrevi a Vossa Alteza. Apresento minha elevada consideração a Vossa Senhoria.

b) Três exceções. Usa-se crase diante das palavras: "senhora", "senhorita" e "dona".
Ex.: Saudações à senhora professora.
"Seu" Madruga falou em casamento à senhorita Clotilde.
Professor Girafales entregou um ramalhete de flores à dona Florinda.


3) Diante da palavra CASA.

a) 
Não se usa crase se a palavra casa tem significado de lar.
Ex.: Voltei a casa para pegar meus tênis.

a) Usa-se crase quando a palavra crase tiver um complemento.
Ex.: Fui à casa de minha noiva.


4) Crase diante de pronomes possessivos femininos.

O uso da crase é facultativo.

Ex: Dê minhas lembranças a sua mãe. Diga à sua mãe que vou a Curitiba.


5) Crase diante dos pronomes AQUILO, AQUELA e AQUELE.

Veja esta excelente aula: crase em àquele, do professor Cláudio Moreno.


6) Crase diante de horas.

Segue-se o exemplo da palavra distância. Se as horas são exatas, usa-se crase; se houver alguma indefinição, não.

a) Cheguei da igreja às 9:30h da noite.

b) Cheguei da igreja as 9h e pouco.


6) Diante de verbos e palavras masculinas.

Não há uso de crase.

Ex.: Matrículas a partir do mês de janeiro.
Dai a Cesar o que é de Cesar, e a Deus o que é de Deus.



Nota: Aceito críticas e sugestões construtivas.

Nenhum comentário: