segunda-feira, 15 de março de 2010

Nostradamus, Calendário Maia X Bíblia

egundo seus seguidores, Nostradamus teria previsto, entre outras coisas, a queda da União Soviética.
Pastor Andre Oliveira

Nostradamus, Calendário Maia X Bíblia 
Representação do Calendário Maia


Há muitos anos o mundo passa por momentos de turbulência e inquietação, a terra está vivendo momentos de incertezas: aquecimento global, fome, pestes, terremotos, (que agora, inclusive, estão sendo sentidos no Brasil, "algo antes inédito"), quebra financeira dos países considerados os mais ricos do mundo.
A perplexidade está tomando conta de todo mundo. Primeiro, o terremoto no Haiti, que comoveu a todos, e nem ao menos nos recuperamos das imagens dessa tragédia, agora acontece em um país vizinho, o Chile.
São nesses momentos que a humanidade está fragilizada, e ao invés das pessoas irem buscar um socorro no Criador de todas as coisas, elas ainda estão se enganando com fábulas contadas engenhosamente para enganar as nações, o mundo está à procura de respostas e ao invés de as receberem do próprio Deus, correm atrás de falsos deuses e falsos profetas.
Pensando nisso, nada mais oportuno do que falar em um "mito", que sempre aparece nessas horas de incertezas proféticas vividas pela humanidade, "Nostradamus", que sempre aparece para dar sua opinião póstuma, a respeito de todos os assuntos relacionados ao futuro, e agora também o livro da "revelação" do momento, "o calendário Maia".
Nostradamus sempre aparece com as suas "centúrias", que eram versos codificados em
previsões futurísticas,encontradas em seu livro, intitulado "As Profecias", escrito em 1555. Ele sempre foi o alvo principal dos leitores apocalípticos que queriam desvendar o que acontecerá no futuro através de uma leitura difícil de ser entendida, mas muito bem elaborada, programada para enganar.
Suas profecias compõem-se de quadras em versos métricos decassílabos, reunidas em grupos de cem, daí o nome "centúrias".
Segundo seus seguidores, Nostradamus teria previsto, entre outras coisas, a queda da União Soviética na quadra em que diz: "Um dia serão amigos os dois grandes chefes…". No entanto, os céticos apontam que essas "previsões" só são interpretadas corretamente depois dos fatos, nunca antes.
 
Capa do livro As Verdades Proféticas de Nostradamus.


O segundo tópico a ser analisado, é o Calendário Maia, que agora virou febre mundial, e até mesmo Hollywood, se rendeu aos seus encantos e lançou no mês de novembro de 2009, o filme "2012", explorando mais essa profecia de que o final dos tempos seria dia 21 de dezembro de 2012.

Vamos entender sobre Calendário Maia:
O calendário de conta longa é apenas um entre os vários que os maias usavam. Assim como os nossos meses, anos e séculos, ele se estrutura em unidades de tempo cada vez maiores. Cada 20 dias formam um "mês", ou uinal. Cada 18 uinals, 1 tun, ou "ano", cada 20 tuns faziam um katun e assim sucessivamente. Enquanto o nosso sistema de contagem de séculos não leva a um fim, o calendário de conta longa maia dura cerca de 5.200 anos e se encerra na data 13.0.0.0.0, que para alguns estudiosos corresponde ao nosso 21/12/2012.
Isso não significa que eles esperassem pelo fim do mundo naquele dia. Os povos ameríndios não tinham apenas uma concepção linear de tempo, que permitisse pensar num fim absoluto. Em nenhum lugar do Calendário Maia, afirma que o ciclo em que estamos vivendo seria o último.
A maioria dos estudiosos acredita que após chegar à data final, o calendário se reiniciaria. Assim como para nós, o 31 de dezembro é sucedido pelo 1º de janeiro. Para eles o dia 22/12/2012 corresponderia ao dia 0.0.0.0.1.
A realidade é que a profecia maia é do ponto de vista científico, apenas um mito.

Representação do Calendário Maia

Temos que tomar muito cuidado a respeito de profecias cataclísmicas, que povoam a mente de muitas pessoas que desconhecem as verdades bíblicas, em tempos de inquietação como a que estamos vivendo. O maior e melhor livro para pesquisar é somente um, que se chama "Bíblia Sagrada", não há dificuldades de entendê-la, ou de desacreditá-la, pois é a própria palavra de Deus ao homem, as respostas das nossas perguntas se encontram nela.

Nenhum comentário: