sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

Muçulmanos fazem ritual de autoflagelo

Procissão da Ashura celebra a morte do neto do profeta Maomé há 1.300 anos

Do R7, com agências internacionais

Muçulmanos xiitas de diferentes países celebram nesta semana a Ashura, que lembra o fim trágico de Hussein, neto do profeta Maomé e filho de Ali. Ele foi morto no ano 680 pelas tropas do califa Omeyyade durante uma batalha no deserto de Kerbala.

O ritual é marcado por cenas de autoflagelo, como uma forma de relembrar o sofrimento do imã Hussein.

Veja álbum de fotos da Ashura.

ashura afeganistao

Homens se autoflagelam durante a procissão da Ashura na capital do Afeganistão, Cabul (Foto: Reuters)

 

ashura fita verde

Iraquianos em Kerbala se batem com correntes para relembrar o sofrimento do neto de Maomé (Foto: AFP)

Nenhum comentário: