terça-feira, 21 de julho de 2009

Ministério recebe primeiros 50 mil kits de tratamentos contra gripe suína

O Ministério da Saúde recebeu nesta terça-feira (21) 50 mil kits de tratamento para tratar a gripe A (H1N1). Cada kit é composto por 10 comprimidos de Tamiflu (fosfato de osetalmivir), quantidade indicada para uma pessoa, segundo o ministério. Este é o primeiro de três lotes que devem ser entregues aos 68 hospitais de referência do país para o atendimento aos pacientes com a gripe suína. O país já registra 21 mortes devido à doença. 

Segundo nota do ministério, a segunda leva de medicamentos - também outros 50 mil kits - será entregue até dia 15 de agosto. Mais 750 mil tratamentos chegarão até o dia 30 de setembro. O Laboratório de Farmanguinhos, ligado à Fundação Oswaldo Cruz, deve entregar outros 150 mil kits a partir do fim deste mês. 

O ministério afirma que os medicamentos serão entregues apenas aos casos graves - o que representa 5% dos pacientes - e que a quantidade de tratamentos distribuídos deve ser superior aos pacientes com quadro grave. "É esperado um aumento da procura pelo remédio agora no inverno, quando a doença atingirá um maior número de pessoas. Receberemos quantidade suficiente para atender essa demanda", afirmou em nota o diretor de Vigilância Epidemiológica do Ministério da Saúde, Eduardo Hage.

O governo federal gastou R$ 34,7 milhões na compra de 800 mil novos tratamentos. O contrato com o laboratório Roche foi firmado em junho, segundo o ministério. O país possui ainda matéria-prima para produzir 9 milhões de tratamentos. 

Os kits serão agora distribuídos aos Estados. Os medicamentos não serão comercializados para "reduzir a probabilidade de resistência do vírus ao remédio e devido aos riscos de automedicação", afirma a nota.

Nenhum comentário: