segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Entrevista com André Valadão

André Valadão começou sua missão de cantar e evangelizar desde muito cedo. Aos 7 anos de idade já cantava e tocava. Durante a adolescência ministrava em várias partes do Brasil, em colégios, praças, entre outros. Hoje ele é um dos ícones da música cristã brasileira. "Mais que Abundante", "Milagres", "Alegria", frutos do trabalho solo já atingiram a marca de 800 mil cópias vendidas. Sem contar com o mais recente, "Clássicos", que em apenas 20 dias de lançamento, foi Disco de Ouro. Este é André Valadão, um jovem cantor e pastor que leva o Evangelho pelo Brasil afora.

Nesta entrevista, André fala sobre o próximo trabalho que já está em fase de produção: "São cânticos intimistas, adoração simples e sem outra intenção, senão, a de levar a todos o amor de Deus." Conta sobre seus projetos: "Os DVDs de pregação são ferramentas que centenas de pessoas pediram que eu lançasse." E abre o jogo sobre as dificuldades enfrentadas no dia a dia como um ministro da Palavra de Deus: "Hoje, infelizmente, as pessoas estão desacreditadas, feridas, magoadas e frustradas com a liderança, com o País e sua política." Confira a entrevista na íntegra:

Recentemente, você lançou um blog. Como surgiu a idéia de se fazer este blog e como você avalia o retorno? 

Bem, o que mais gosto no Ministério e entendo que é de extrema importância é o contato próximo com as pessoas. Lancei o blog e logo depois a minha irmã, Ana Paula, lançou, a Nívea Soares e muitos outros, pois todos puderam ver o resultado. É realmente abençoador, temos sempre a oportunidade de comunicar imediatamente com todos o que Deus tem falado ao nosso coração no dia a dia.

André, você lançou recentemente o CD "Clássicos". Este trabalho fez com que as pessoas se lembrassem das canções que fizeram história no passado da Igreja. Você acha que as pessoas estão esquecidas da origem da Igreja? 

Não digo esquecidas, mas o número de novos convertidos atualmente é tão grande que temos deixado para trás a oportunidade de mostrar a eles o que Deus fez no passado da Igreja. E os hinos fazem parte de tudo isso. Hoje em dia se cantam muitos cânticos novos na igreja. Acho que se ficarmos duas semanas sem ir à mesma igreja acabamos não conhecendo os novos cânticos que sempre estão sendo ensinados...

Você esteve na feira da Expo-Cristã no mês de setembro e promoveu o lançamento dos seus DVDs de pregação. Fale um pouco a respeito deste projeto. 

Bem, os DVDs de pregação são ferramentas que centenas de pessoas pediram que eu lançasse. Sou pastor na Igreja Batista da Lagoinha já há sete anos e tenho ministrado a Palavra semanalmente. Com isso tenho um material que estava apenas guardado e inutilizado, e vi que agora seria uma forma nova e também uma ferramenta diferente para utilizar sobre a minha geração. São mensagens simples e com uma roupagem mais atual. 

No dia 17 de setembro, você revelou em seu blog que seu próximo CD e DVD já estão em processo de produção. O que você pode dizer a respeito deste novo trabalho?

Meu Deus! Tenho tanto a dizer... As canções têm mudado minha vida totalmente. São cânticos intimistas, adoração simples e sem outra intenção, senão, a de levar a todos o amor de Deus.

O que Deus tem falado ao seu coração em relação a este novo CD e DVD no que diz respeito às composições?

São verdades que nunca, nunca devem sair do nosso coração. Realidades espirituais que nos foram dadas, promessas que precisam se cumprir e armamentos por meio da adoração que precisamos usar. Creio que será um romper tão grande em muitas vidas, que a única coisa que peço a todos é que orem, orem para que eu consiga colocar no CD tudo o que Deus tem me mostrado. 

Uma curiosidade. O novo trabalho será gravado ao vivo, ou será somente em estúdio? 

O CD será de estúdio e depois gravarei o DVD, ao vivo.

Quais têm sido os principais desafios enfrentados em sua caminhada como um evangelista e ministro de louvor? 

Acho que as decepções, as mentiras em nosso meio, o falso cristianismo. O "marketing da adoração" é o que me faz, muitas vezes, até querer desistir deste ministério. Hoje, infelizmente, as pessoas estão desacreditadas, feridas, magoadas e frustradas com a liderança, com o País e sua política. E isso reflete na adoração, reflete nos ministérios e o mais sério: reflete nas famílias. O meu maior desafio tem sido dizer para as pessoas que Deus existe, que todos podem acreditar nele, confiar em Jesus e verdadeiramente adorá-lo. 

Como você vê a Igreja hoje?

Tenho um retrato claro da Igreja no País. Em três anos já estive em mais de 350 cidades do Brasil e posso dizer que a Igreja é maravilhosa, porém, ainda está muito presa a usos e costumes. Isto impede o mover do espírito e muito da direção de Deus para nossa geração.

Deixe uma mensagem especial para nossos internautas. 

Queridos irmãos, quero dizer que nada é mais precioso na vida do que estar na presença de Deus. Ter no coração a chama ardendo pelo Senhor, compaixão pelos perdidos e fome pela Palavra. Que a cada dia tenhamos o desejo cada vez maior de servir ao Senhor, de buscá-lo com toda nossa força e de levar aos outros essa realidade sobrenatural do amor e do perdão de Deus. Que o CD e DVD "Clássicos" seja uma inspiração para todos e uma eterna gratidão por tudo que a Igreja já conquistou. Cada hino tem uma história e cada história reflete em nossos dias ainda hoje.

Artigo extraído do site www.lagoinha.com

Nenhum comentário: