sexta-feira, 28 de dezembro de 2007

Clima afeta severamente a fauna do Reino Unido


da Ansa, em Londres

Um ano de clima extremo atingiu severamente a fauna do Reino Unido, segundo um informe da organização The National Trust. De acordo com a entidade, muitas espécies nasceram ou se reproduziram antes do período previsto devido ao clima quente da primavera. Durante o verão, as fortes chuvas e baixas temperaturas destruíram populações de insetos, aves e morcegos.

Matthew Oates, a cargo do departamento de conservação natural do National Trust, declarou que a fauna do Reino Unido será cada vez mais afetada pelas variações extremas do clima.

Segundo o especialista, anfíbios, mariposas e aves têm sofrido muito com o verão chuvoso e frio na Inglaterra e no País de Gales.

Já as aves migratórias chegaram antes ao sul da Inglaterra, devido ao clima frio do norte.

"Este ano, devido às enormes variações climáticas, as diferentes espécies animais do país foram muito afetadas", declarou Oates.

"Nossa fauna nunca foi estável, sempre viu modificações, mas agora estamos entrando em um período radical de mudanças sem precedentes na história da humanidade", afirmou.

                 Luis Martins
                 Conferencista
          jornalgenesis@gmail.com
       www.jornalgenesis.blogspot.com

Nenhum comentário: